Faça a si mesmo estas 3 perguntas antes de assinar um contrato de trabalho

No mundo das empresas, é cruel o sentimento de que você não se encaixa no trabalho que está fazendo. É como se o empregado ficasse preso à companhia e a vida perdesse um pouco de sentido. Afinal, ele passa muito tempo no local de trabalho.


Pensando nisso, o site Thrive Global compilou três perguntas que você pode fazer a si mesmo para entender se o trabalho vale a pena ou não. Serve para quem já está empregado e para quem ainda está tentando se decidir.


1. Minha personalidade se encaixa com a cultura da empresa?

O cotidiano das empresas engloba muitos detalhes que não estão descritos nas letrinhas pequenas dos contratos. Por isso, é muito importante fazer perguntas sobre a cultura da companhia antes de aceitar o trabalho.

Oprah Winfrey, por exemplo, a famosa apresentadora norte-americana, disse recentemente em uma entrevista que ela deixou o programa "60 minutes" porque a personalidade dela não combinava com o papel que tinha que desempenhar no programa.

"Eu estava trabalhando enquanto deixava a mim mesma de lado e esmagava a minha personalidade", afirmou ao Hollywood Reporter. "Eu gostava das pessoas, mas o formato do programa não era o melhor para mim".

Embora aquela parecesse uma oportunidade promissora, Oprah saiu da empresa porque ela não combinava com a sua natureza —e, olhando agora, a decisão permitiu a ela passar mais tempo em um trabalho muito mais significativo e que a projetou para o mundo.

2. Esse trabalho é significativo para mim?

Dois terços da força de trabalho dos Estados Unidos sofre com a síndrome de burnout, e especialistas dizem que uma justificativa para esse número em ascensão está associada ao número de pessoas que não encontram significância no que fazem.

Portanto, antes de aceitar um trabalho, questione-se sobre a missão por trás da companhia e entenda se ela está alinhada com os seus valores.

Se você encontrar um senso de propósito no trabalho que está fazendo, é muito mais provável que você se sinta realizado e feliz. Por outro lado, se você está passando pelos desafios do seu trabalho sem se sentir conectado a eles, você pode acabar vivendo os sinais do burnout mais rápido do que imagina.

3. Posso ser eu mesmo nesse trabalho?

A maneira como você escolhe se mostrar no trabalho pode impactar seriamente a maneira como você se sente sobre a tarefa que está fazendo. Logo, é muito importante encontrar um local em que você se sinta confortável para demonstrar quem você é de verdade.

Quando estiver pensando no emprego que estão lhe oferecendo, lembre-se que existe uma diferença entre dar o melhor de si e não se sentir livre para ser você mesmo. Se você sente que precisa esconder parte de quem você é, é bem provável que essa empresa não seja a certa para você, e você pode estar se encaminhando para uma experiência estressante.

*O texto "Faça estas 3 perguntas antes de assinar um contrato de trabalho" foi publicado originalmente no portal Na Prática, da Fundação Estudar. Fonte: Uol

34 visualizações0 comentário